Aline Macedo
Reprodução
Aline Macedo

Na busca para dar a volta por cima em 2024, o MDB-RJ — sob a batuta de Washington Reis desde segunda-feira (8), com a licença do secretário nacional de Saneamento, Leonardo Picciani — está trazendo antigos filiados. Na última semana, retornaram não só Luiz Fernando Pezão, como o ex-deputado e estrela dos bastidores do PL Alexandre Santos, ambos articuladores de peso no interior do estado. No passado, o partido atingiu proporções monumentais pelo número de prefeitos e vereadores. E para recuperar os parlamentares municipais, fundamentais em outras eleições, quer ter candidatos majoritários. No Rio, Otoni de Paula, com excelente trânsito na cúpula, é pule de dez. E deve disputar votos da direita com o aspira do PL — seja Flávio Bolsonaro ou outro.

Picadinho

Amanhã, às 10h, Dani Balbi (PCdoB) comanda, na Alerj, audiência pública sobre as dificuldades de trans e travestis no mercado de trabalho. Só 5% estão formalizados.

Cláudia Werneck fala amanhã sobre inclusão responsiva das ferramentas de acessibilidade no Teatro Laura Alvim, pelo projeto 35 anos de Laura, idealizado por Tatianna Trinxet.

Em comemoração ao Dia das Mães, o musical "Se essa lua fosse minha", em cartaz no Glaucio Gill, oferece meia entrada a mães e filhos na sessão de hoje. Às 20h.

    Mais Recentes

      Comentários

      Clique aqui e deixe seu comentário!