Tesouro Nacional
Agência Brasil
Tesouro Nacional

O Tesouro Nacional pagou, neste ano, mais de R$ 7 bilhões em dívidas atrasadas de estados. Conforme o último Relatório de Garantias Honradas pela União, no acumulado dos 12 meses, cinco estados foram responsáveis por 92,1% do valor pago pelo Tesouro: Rio de Janeiro (R$ 3,31 bilhões, ou 42,8% do total), Minas Gerais (R$ 2,62 bilhões, ou 33,9% do total), Goiás (R$ 553,18 milhões, ou 7,2% do total), Pernambuco (R$ 354,85 milhões, ou 4,6% do total) e Maranhão (R$ 280,16 milhões, ou 3,6% do total.

Devido à crise fiscal provocada pela pandemia, 14 estados tiveram as dívidas em atraso cobertas pelo Tesouro. O valor dos débitos honrados – de R$ 7,79 bilhões – representa um aumento de 8,97% quando comparado ao mesmo período de 2019 (R$ 7,15 bilhões).

As garantias são executadas pelo Tesouro quando um estado ou município fica inadimplente em operações de crédito. O governo cobre o calote, mas retém repasses da União para o ente devedor até quitar a diferença.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários