Marielle
Agência Brasil
Marielle Franco

O clã Bolsonaro lavou a alma. Ninguém melhor para eles que um delegado do Departamento de Homicídios da Polícia Civil do Rio, subordinada ao rival político Wilson Witzel, para afirmar que a família não tem nada a ver com a morte da vereadora Marielle Franco. São palavras do delegado Antônio Nunes. O resto é politicagem.

O senador Flávio Bolsonaro, o Zero Um dos irmãos, desabafou pelo whatsapp: “É menos uma narrativa escrota e mentirosa que a esquerda tem para atacar a família Bolsonaro e tentar vinculá-los, criminosamente, a milícias”.

    Veja Também

      Mostrar mais