Tamanho do texto

Foram 3.875 notificações a mais que em 2018

Ataques Cibernéticos arrow-options
Agência Brasil
Ataques Cibernéticos

O número de ataques cibernéticos às redes do Governo cresceu em 2019. Foram 3.875 notificações a mais que em 2018, segundo dados do Centro de Tratamento e Resposta a Incidentes Cibernéticos de Governo (CTIR-Gov), órgão vinculado ao Gabinete de Segurança Institucional (GSI).

Dos 19.150 registros de notificações, mais de 10 mil foram confirmados como ataques e classificados como “fraudes”, “vulnerabilidade” e “abuso de sítio”. O número pode aumentar, pois os dados de 2019 estão sendo fechados.

Há 9 anos, quando os dados começaram a ser categorizados, foram registradas pouco mais de 10 mil notificações, das quais 6,2 mil confirmadas como ataques.

Preocupado com os ataques, o GSI emitiu, no ano passado, vários alertas e recomendações sobre como agir em casos de clonagem, perfis falsos nas redes sociais e Phishing, tipo de fraude, por meio da qual, um golpista tenta obter dados pessoais.