Crusoé

undefined
O Antagonista
Disputa na Gergia nesta tera tem racha entre republicanos

O segundo turno da eleição para preencher duas vagas no Senado no estado americano da Geórgia acontece nesta terça (5). O resultado determinará qual partido terá o controle do Senado na próxima legislatura.

As duas vagas atualmente são ocupadas por republicanos , que tentam a reeleição: David Perdue e Kelly Loeffler (foto). Como os republicanos já conquistaram 50 das 100 cadeiras do Senado na eleição de novembro, bastaria mais uma para conseguir a maioria. Contudo, se os dois democratas no páreo, John Ossoff e Raphael Warnock, forem ambos vencedores, os democratas contariam com o voto da futura vice-presidente, Kamala Harris , para desempatar as votações.

As pesquisas eleitorais têm mostrado que as duas disputas estão acirradas. Nos últimos dias, porém, os dois democratas abriram uma leve vantagem, de cerca de 2 pontos percentuais.

Uma das dúvidas é sobre como os republicanos do estado irão se comportar no dia da eleição . Para estimular os republicanos a ir às urnas, o presidente Donald Trump tem alimentado suspeitas de que a eleição presidencial foi roubada. Mas o efeito pode ser o inverso, pois ele acabou abrindo um racha no Partido Republicano.

Os dois candidatos republicanos, Perdue e Loeffler apoiaram as críticas de Trump dizendo que a eleição foi fraudada no estado. Eles sabem que os eleitores de Trump serão fundamentais na disputa. O problema é que isso os colocou em atrito com o governador do estado, Brian Kemp, que é republicano, e com o secretário de estado, Brad Raffensperger, outro republicano.

Na longa briga, Trump pediu para que o governador Kemp renunciasse. Neste domingo, 3, o jornal Washington Post divulgou o áudio de uma ligação telefônica em que T rump pressiona Raffensperger a mudar o resultado da eleição no estado . Na gravação, o presidente pede que ele encontre 11.780 votos, um a mais do que a vantagem que o democrata Joe Biden conseguiu no estado.

Dentro do Partido Republicano , Trump segue contando com um apoio superior a 90%, mas o embate interno poderia desestimular alguns a sair para votar. Aliados de Trump também têm pedido para que os republicanos boicotem a eleição. Entre eles está o promotor republicano, Lin Wood, para quem o boicote pode ser uma forma de protestar contra uma suposta fraude na eleição.

Trump e o presidente eleito Joe Biden viajaram para a Geórgia nesta segunda (4) para fazer campanha. Os resultados do pleito devem demorar alguns dias para serem computados.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários