Em busca de votos para se livrar da segunda denúncia por obstrução de Justiça e organização criminosa, o presidente Michel Temer está disposto a ceder a uma das principais reivindicações do Centrão – grupo que soma mais de cem parlamentares na Câmara dos Deputados.

Insatisfeitos com o ministro Antônio Imbassay (PSDB-BA), os deputados do Centrão querem emplacar o líder do Governo no Congresso, André Moura (PSC-SE), na Secretaria de Governo. Ele é o braço de Eduardo Cunha no Congresso. Outra pasta comandada pelo PSDB (Cidades) também está no tabuleiro de negociação.

    Leia tudo sobre: Eduardo Cunha

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários