A crise que cerca o Palácio do Planalto tende a paralisar de vez o programa Criança Feliz, cuja madrinha é a primeira-dama Marcela Temer.

Lançado em outubro como principal bandeira social do Palácio, o programa já reduziu a previsão inicial de beneficiados em 2017 (de 750 mil para 400 mil crianças) e permanece sob baixa adesão de municípios.

Marcela Temer planejava viagens e eventos sociais em algumas capitais. Decidiu ficar no Palácio Jaburu de vez.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários