Tamanho do texto

De acordo com a Nasa, ao entrar na atmosfera, a rocha espacial liberou o equivalente a 13 mil toneladas de TNT

Meteoro se desintegrou no mar, a mais de 30 quilômetros de profundidade
Reprodução
Meteoro se desintegrou no mar, a mais de 30 quilômetros de profundidade

A Nasa registrou a queda do maior meteoro já visto desde o que atingiu a cidade russa de Chelyabinsk há 3 anos entrou na atmosfera da Terra sobre o oceano Atlântico. O corpo meteoro caiu perto do Brasil.

O evento, que só foi divulgado nessa terça-feira, ocorreu às 11h55 do dia 6 de fevereiro. Ao entrar na atmosfera, a rocha espacial liberou o equivalente a 13 mil toneladas de TNT.

De acordo com a Agência Espacial, esse é o evento mais grandioso do gênero desde o ocorrido em Chelyabinsk, em 15 de fevereiro de 2013. O meteoro que atingiu a região liberou 500 mil toneladas de TNT e mais de mil pessoas foram feridas – a maioria por estilhaços de vidro de janelas.

Já a bola de fogo sobre o Atlântico provavelmente passou despercebida. Ela se desintegrou a cerca de 30 quilômetros sobre a superfície do mar, a 1000 quilômetros da costa brasileira. A Nasa listou o acontecimento em uma página de internet que relata a ocorrência de meteoros e bolas de fogo. Cerca de 30 pequenos asteroides (entre 1 e 20 metros) entram na atmosfera da Terra anualmente. A maioria cai nos oceanos.

Nasa abre arquivo online com fotos raras e históricas da conquista da lua


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas