Tamanho do texto

Além de cumprir mandados de busca e apreensão no gabinete do deputado João Magalhães (PMDB-MG), agentes da Polícia Federal (PF) também estiveram, nesta manhã, no gabinete de outro parlamentar mineiro, Ademir Camilo (PDT), onde também apreenderam documentos. A ação faz parte da Operação João de Barro, deflagrada hoje pela manhã pela PF, para acabar com um esquema de desvio de recursos para obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), do governo federal.

Os policiais chegaram por volta das 10 horas e foram autorizados pela Polícia Legislativa, que acompanhava o trabalho da PF. Os parlamentares não estavam em seus gabinetes.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.