Tamanho do texto

Cerca de mil pessoas participaram nesta tarde de um protesto em defesa dos direitos dos animais em frente ao Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) de Santana, na zona norte de São Paulo.

De acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) os manifestantes ficaram deitados na rua Santa Eulália, bloqueando totalmente a via no sentido bairro, próximo à Santos Dumont. Eles pediam a substituição da atual administração do centro.

Segundo os manifestantes, é muito difícil o processo de doação de cães de grande porte; é proibido fotografar os animais, mesmo que para divulgar doações; e não é permitido que entidades e protetores cadastrados retirem os animais do local para levá-los a eventos de adoção durante os fins de semana.

Segundo a Polícia Militar, o protesto, que começou por volta das 13 horas e durou duas horas, era pacífico e não houve incidentes.

Leia mais sobre: protesto

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.