Tamanho do texto

BRASÍLIA - A Advocacia Geral da União (AGU) informou nesta quarta-feira que tão logo seja acionada pelo Ministério da Defesa irá recorrer da decisão da juíza da 18ª Vara Federal, Regina Coeli de Medeiros de Carvalho Peixoto, de determinar a retirada imediata das tropas do Exército do Morro da Providência, no Rio de Janeiro. Até o momento, porém, o Ministério da Defesa não foi notificado da decisão da Justiça.