Agência Brasil

serra
Governo de SP
O fogo começou no fim de semana e queimou áreas nos municípios de Águas do Prata, Vargem Grande do Sul e São João da Boa Vista


O governador de São Paulo, João Doria , sobrevoou, na tarde desta quinta-feira (10), a Serra da Mantiqueira , na região de São João da Boa Vista, onde estão ocorrendo diversos focos de incêndios ambientais. Segundo o governador, a expectativa é que, com a intensificação dos trabalhos de contenção, o incêndio seja controlado até esta sexta-feira (11).


"Hoje, temos aqui 50 policiais militares bombeiros e, a partir de amanhã, vamos dobrar. Teremos 100 bombeiros atuando , com objetivo de cessar completamente os focos de incêndio. Também autorizei mais sete viaturas e mais um helicóptero Águia a partir de amanhã", informou o governador.

Ele disse que sobrevoou toda a área e verificou que uma grande área foi carbonizada  e que ainda há pequenos focos na região. "O objetivo é que, com esse esforço redobrado, amanhã, até o fim do dia, possamos exterminar, quiçá completamente e, com isso, eliminar o risco de afetar a lavoura, o meio ambiente e colocar em risco as pessoas e propriedades da região."

O fogo começou no fim de semana e queimou áreas nos municípios de Águas do Prata, Vargem Grande do Sul e São João da Boa Vista. Para tentar controlar o incêndio , a Defesa Civil do Estado de São Paulo e o Corpo de Bombeiros instalaram uma base operacional no aeroporto de São João da Boa Vista. 

Segundo o governo paulista , quatro aeronaves fizeram ações de combate ao incêndio durante esta semana. Foram dois helicópteros Águia e dois aviões agrícolas disponibilizados pela iniciativa privada.

Operação Estiagem

Desde junho, o governo paulista realiza a Operação Estiagem 2020 , que tem duração prevista até o dia 30 deste mês. A operação visa combater incêndios, que são intensificados nesta época do ano pela falta de chuvas, baixa umidade relativa do ar e altas temperaturas.

As pessoas que observarem queimadas em sua região devem comunicar essas ocorrências pelos telefones 193 do Corpo de Bombeiros e 199 da Defesa Civil dos municípios.

Crise hídrica

Perguntado sobre a falta de chuvas no estado que, além de intensificar incêndios, poderia gerar desabastecimento, Doria descartou a possibilidade de nova crise hídrica em São Paulo neste momento.

"Não há risco de crise hídrica em São Paulo, em nenhuma região do estado", disse o governador. Doria lembrou a integração das bacias feita em meio à grave crise hídrica de 2014 e afirmou que isso ajudou a garantir um suprimento adicional de água para todo o estado. "Mas isso não nos desobriga de consumir a água com muita consciência ", ressaltou.

    Veja Também

      Mostrar mais