Mais de 4,9 milhões de trabalhadores irão receber a primeira parcela do auxílio emergencial pela Caixa Econômica Federal. Essas pessoas se inscreveram pelo aplicativo ou site auxilio.caixa.gov.br entre os dias 1º e 26 de maio e tiveram o benefício liberado pelo Ministério da Cidadania na última sexta-feira (12).

Leia também: Covid-19: governo exclui parentes de presos de auxílio emergencial

Auxílio Emergencial
Agência Brasil
Auxílio Emergencial contemplará novos trabalhadores


O valor a ser recebido é de R$ 600, mas mães chefes de família podem receber até R$ 1.200. Segundo o jornal Agora, foram analisados 8,9 milhões de CPFs e, desse total, apenas 4,9 milhões foram considerados aptos para receber o auxílio emergencial. A análise é feita pela Dataprev, empresa de tecnologia do governo federal.

Leia também: Auxílio emergencial: dupla que fazia saques indevidos é presa com R$ 96 mil

O pagamento começa a ser feito pela Caixa na próxima semana e será divido em dois dias, parte dos beneficiários recebe no dia 16 de junho e outra no dia 17, dependendo da data de aniversário. Veja as datas de depósito:

  • Dia da liberação: Terça-feira (16) – Mês do aniversário: de janeiro a junho
  • Dia da liberação: Quarta-feira (17) – Mês do aniversário: de julho a dezembro

Conforme divulgado pelo Ministério da Cidadania, o pagamento será feito por meio da poupança digital da Caixa. As pessoas que tiveram o auxílio negado podem contestar no site ou aplicativos ou se inscrever novamente. Vale ressaltar que só possível fazer a contestação uma vez.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários