Eduardo Bolsonaro é visto como um
Reprodução
Eduardo Bolsonaro é visto como um "garoto-propaganda" da marca.

O Exército brasileiro está negociando uma parceria para a fabricação de pistolas com a empresa SIG Sauer, que é apoiada pelo deputado federal e filho do presidente,  Eduardo Bolsonaro (PSL-SP). Ele é visto como um "garoto-propaganda" da empresa dentro do mercado. 

Leia também:

Em abril do ano passado, Eduardo postou uma foto na qual aparece com dirigentes da marca afirmando que iria ajudá-los. Em março desse ano, o deputado também apareceu testando armas da marca em um clube de tiro.

A insistência de Eduardo Bolsonaro em promover a marca teria gerado incômodo dentro do Exército. Isso porque os militares estariam irritados com a revogação da portaria de controle de armas, feita por ordem do presidente Jair Bolsonaro.

A negociação entre a empresa e o Exército começou em 2018, mas foi acelerada com a eleição da família Bolsonaro, que é a favor da revogação do estatuto do desarmamento. Na reunião ministerial de 22 de abril o presidente chegou afirmou que gostaria de armar a população

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários