A cada dez leitos clínicos da rede municipal de São Paulo, nove estão ocupados por pacientes com casos do novo coronavírus (Sars-Cov-2), de acordo com informações da CBN. Isso significa 94% dos leitos clínicos, 65% dos leitos de UTI e 72% dos leitos de observação. Vale ressaltar que a capital tem 507 leitos de UTI e 3.240 leitos de internação.

Leia também: Risco de colapso: 91% dos leitos de UTI da rede pública no AM estão ocupados

coronavírus
Governo de São Paulo/reprodução
94% dos leitos clínicos da rede municipal de São Paulo são ocupados por casos do novo coronavírus


Ainda de acordo com informações da rádio, o  Covid-19 já chegous nas periferias da cidadede São Paulo , atingindo pessoas que precisam do SUS.

Leia também: França registra queda no número de pacientes na UTI por Covid-19

A prefeitura afirma que está implantando mais 933 leitos de cuidados intensivos e, além disso, acredita que os hospitais de campanha constuídos na cidade, no Anhembi e no Pacaembu, devam auxiliar na demanda. Ao todo, são 2 mil leitos de baixa complexibilidade, destes, 80 serão leitos semi-intensivos.

Confira a nota da Secretaria Municipal da Saúde:

"A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), informa que a rede municipal dispõe de 507 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), sendo 372 leitos de UTI adulto, 135 leitos de UTI infantil e 3.240 leitos de internação. A taxa ocupacional dos leitos de Covid-19 das unidades hospitalares é de 94% dos leitos clínicos, 65% dos leitos de UTI e 72% dos leitos de observação, com exceção aos Hospitais Municipais de Campanha (HMCamp).

Leia também: São Paulo pode sofrer com falta de até 5 mil leitos se isolamento for suspenso

A administração municipal está implantando 933 novos leitos de cuidados intensivos para auxiliar no atendimento durante o período de pandemia do coronavírus (Covid-19). Além da ampliação de leitos nos hospitais municipais, e com o objetivo de atender a demanda prevista de novos casos de coronavírus, a Prefeitura implantou os Hospitais de Campanha (HM Camp), com dois mil leitos de baixa complexidade no estádio do Pacaembu e no Anhembi, destes 80 serão leitos semi-intensivos. As vagas nesses locais serão reguladas e disponibilizadas para pessoas que estão sendo atendidas nos equipamentos de saúde de São Paulo. O hospital M’Boi Mirim contará com novos 100 leitos."

    Veja Também

      Mostrar mais