Agentes fazem monitoramento de praias
Divulgação
Agentes fazem monitoramento de praias

Duas mulheres foram detidas por desrespeitarem agentes do programa Niterói Presente na manhã desta segunda-feira enquanto descumpriam o isolamento social caminhando na praia de Icaraí. Este é o bairro com a maior concentração de idosos do município, na Região Metropolitana do Rio, onde foi registrada a primeira morte em decorrência da Covid-19 em Niterói.

Leia também: Coronavírus no Brasil: acompanhe a situação no País em tempo real

De acordo com a Polícia Civil, a dupla foi conduzida à 77ª DP (Icaraí) por policiais militares. Ambas mulheres que andavam pela praia foram autuadas por "resistência, desacato, desobediência e infração de medida sanitária". O caso foi encaminhado ao Juizado Especial Criminal (Jecrim).

A Prefeitura de Niterói, na Região Metropolitana do Rio, tem reforçado diariamente a necessidade da quarentena para conter a disseminação do novo coronavírus na cidade, onde já foram registrados 87 casos confirmados da Covid-19 e duas mortes em decorrência desta doença.

Circulam nas redes sociais imagens da abordagem dos policiais às jovens que queriam andar no calçadão, mesmo esta sendo uma atividade suspensa diante da pandemia do novo coronavírus. Elas insistiram que iriam prosseguir com o exercício físico após a ordem clara de que não podiam.

Leia também: De gripezinha a "não é tudo isso": vezes em que Bolsonaro minimizou coronavírus

O vídeo, registrado do alto, em alguma janela de um prédio em frente para a praia de Icaraí, dividiu opiniões entre internautas. Houve quem criticasse a maneira como as jovens foram contidas, ressaltando uso de violência, mas também foram feitos elogios aos policiais por terem cumprido com suas funções.

Um carro de som da Prefeitura trafega pelas ruas do município alertando os moradores sobre os riscos da Covid-19 e pede para que aqueles que possam ficar em casa, que permaneçam em suas residências, em isolamento social .

Também nas redes sociais, diversas publicações são feitas com os dados de infecção na cidade de Niterói  e com destaques às principais informações para a população referentes às formas de precaução adotadas.

Leia também: Profissionais de enfermagem são agredidos a caminho do trabalho em São Paulo

"Os niteroienses no geral estão contribuindo com o isolamento social, mas ainda há aqueles que teimam em sair de casa. Muitos querem se exercitar, mas correr na rua não é cumprir quarentena. As pessoas também podem pegar o novo coronavírus se respirarem gotículas de uma pessoa com Covid-19 que tosse ou exala gotículas. Há várias formas de se exercitar em casa", afirma um dos posts feitos nesta segunda-feira, frisando que "correr na praia não é isolamento social".

    Veja Também

      Mostrar mais