Tamanho do texto

“Nos sentimos devastados depois de tudo o que aconteceu no fim de semana, e infelizmente, por conta disso, não encontramos forças para continuar”, diz o texto divulgado pelos proprietários na noite desta segunda-feira

Bar Rei do Peixe
Reprodução/Facebook
Proprietários do estabelecimento informaram que encerraram atividades nesta segunda-feira

O bar Rei do Peixe, em Belford Roxo, na Baixada Fluminense, onde ocorreu uma  chacina no último fim de semana, anunciou, nesta segunda-feira (1°), que está encerrando suas atividades. O comunicado foi postado na página do estabelecimento no Facebook.

Leia também: "Nunca quis aumentar o sofrimento das mulheres", diz Holiday sobre lei do aborto

“Nos sentimos devastados depois de tudo o que aconteceu no fim de semana, e infelizmente, por conta disso, não encontramos forças para continuar”, diz o texto. No ataque ao barquatro pessoas morreram e outras doze ficaram feridas, de acordo com dados da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense.

A DH investiga a informação de que Luiz Gustavo de Lima Nascimento, de 35 anos, conhecido como Balrog, era o alvo do ataque. Ele é uma das quatro vítimas fatais da chacina e estava no bar comemorando o aniversário de uma amiga. Segundo fontes ouvidas pelo Extra, Balrog tinha envolvimento com a milícia do bairro Nova Aurora, em Belford Roxo, mas foi expulso do grupo paramilitar. Ainda de acordo com fontes, Balrog se uniu a traficantes da região. A Polícia Civil apura quem foram os responsáveis pelo ataque e se outras pessoas que estavam com Balrog também eram alvo dos criminosos.

A namorada de Balrog está entre os 12 feridos. Uma amiga do casal, identificada como Fabrine Marques, também entre as vítimas fatais. No momento do ataque, havia cerca de 100 pessoas no bar. A banda de pagode Nosso Grupo fazia uma apresentação no local. Eles cantavam a última música quando os criminosos fizeram disparos contra frequentadores do estabelecimento.

Leia também: Em vídeo, miliciano assassinado em bar ironiza ameaça de morte feita por rivais

Um dos integrantes do grupo - o percussionista Jorge Victor da Silva Ribeiro, de 23 anos - também morreu na chacina. A quarta vítima fatal é Elaine Menezes, de 36 anos, que estava no bar acompanhada da mãe.

Leia a íntegra do comunicado postado pelo bar

Amigos e clientes, é com pesar no coração e muita tristeza, que comunicamos o fim das atividades do Rei do Peixe.

Nos sentimos devastados depois de tudo o que aconteceu no fim de semana, e infelizmente, por conta disso, não encontramos forças para continuar.

Muito nos entristece essa decisão, pois trabalhadores perderão seu emprego e sustento, e a cidade de Belford Roxo perderá um local familiar, de entretenimento e diversão.

Lamentamos e estamos de corações partidos pelas vidas das pessoas de bem que se foram, compartilhamos do sentimento dos familiares e estamos em orações aos que estão sob cuidados médicos.

Agradecemos o carinho de todos que demonstraram solidariedade diante do acontecido e espero que em breve possamos nos reencontrar.

Um grande abraço a todos os nossos amigos e clientes.