Tamanho do texto

Belivaldo alcançou 40,8% dos votos e concorrerá com Valadares Filho, com 21,4%; terceiro colocado, Eduardo Amorim (PSDB) obteve 20,5%

Valadares Filho (PSB) disputará o segundo turno da eleição em Sergipe com Belivaldo Chagas (PSD), atual governador
Creative Commons/Flickr
Valadares Filho (PSB) disputará o segundo turno da eleição em Sergipe com Belivaldo Chagas (PSD), atual governador

Os candidatos Belivaldo Chagas (PSD) e Valadares Filho (PSB) vão disputar o segundo turno da eleição em Sergipe para o cargo de governador do Estado. O resultado foi confirmado pela Justiça Eleitoral por volta das 21h40 deste domingo (7) após apuração de 99% das urnas. A votação do segundo turno está agendada para o dia 28 deste mês.

Leia também: Jair Bolsonaro e Fernando Haddad se enfrentam no segundo turno para presidente

No saldo final, mais de 1,2 milhão de eleitores participaram da votação em todo o estado neste domingo, número que equivale a 81% das mais de 1,5 milhão de pessoas que compõem o eleitorado sergipano. Belivaldo obteve 40,84% dos mais de 987 mil votos válidos registrados na eleição em Sergipe , enquanto o candidato Valadares Filho foi escolhido por 21,49% dos eleitores.

Também foram contabilizados 20,50% de votos para o candidato Eduardo Amorim (PSDB); 7,03% para o candidato Dr. Emerson (Rede); 3,56% para o candidato Milton Andrade (PMN) e 3,27% para o candidato Eduardo Cassini (PSL). Os candidatos Márcio Souza (PSOL) e Mendonça Prado (DEM) obtiveram 1,58% e 1,24% da preferência dos eleitores, respectivamente.

Gilvani Santos (PSTU) não alcançou 1% dos votos válidos. Brancos e nulos somaram 22,84%. Mais de 296 mil (18,83%) eleitores sergipanos se abstiveram.

Belivaldo Chagas  e Valadares Filho e já poderão retomar suas campanhas nas ruas e na internet, de olho no segundo turno da eleição, a partir desta segunda-feira (8). A propaganda eleitoral no rádio e na TV será reiniciada na sexta-feira (12).

Leia também: Quem é Fernando Haddad e quais suas propostas para governar

Os desafios para quem vencer a eleição em Sergipe

Palácio Museu Olímpio Campos, que costumava ser a residência oficial dos ganhadores da eleição em Sergipe para governador
Wikimedia Commons
Palácio Museu Olímpio Campos, que costumava ser a residência oficial dos ganhadores da eleição em Sergipe para governador


Sergipe tem pouco mais de 2,2 milhões de habitantes, conforme estimativa do IBGE, e apresenta graves problemas em suas políticas de segurança pública, como já foi apontado pela OAB do estado. De acordo com o site da instituição, uma das grandes questões é a ausência de medidas de prevenção e ressocialização.

Segundo dados do Atlas da Violência de 2018, Sergipe apresentou o maior índice de homicídios por 100 mil habitantes do País. O estado registrou taxa de 64,7, seguido por dois outros estados do Nordeste: Alagoas, com 54,2, e Rio Grande do Norte, com 53,4.

Leia também: Quem é Jair Bolsonaro e quais suas propostas para governar

O vencedor da disputa entre Belivaldo Chagas e Valadares Filho no segundo turno da eleição em Sergipe tomará posse no Palácio dos Despachos, em Aracaju, no dia 5 de janeiro. Seu mandato vai até o dia 31 de dezembro de 2021.