Tiroteios nas imediações da Linha Amarela assustaram motoristas, que recuaram pela contramão, no Rio de Janeiro
Reprodução/TV Globo
Tiroteios nas imediações da Linha Amarela assustaram motoristas, que recuaram pela contramão, no Rio de Janeiro

O Rio de Janeiro tem nova manhã de violência nesta quarta-feira (19). Duas operações policiais provocaram complicações no trânsito de  vias importantes na cidade, como a Linha Amarela e a Autoestrada Grajaú-Jacarepaguá, e foram registrados ao menos quatro tiroteios desde o fim da madrugada, conforme informações do aplicativo Onde Tem Tiroteio (OTT-RJ).

Na Linha Amarela , uma das principais vias expressas da cidade, motoristas chegaram a recuar pela contramão devido a troca de tiros ocorrida na altura da Cidade de Deus, na zona oeste do Rio. De acordo com o Centro de Operações Rio, serviço da prefeitura da cidade, o tráfego apresenta retenções no trecho entre a Avenida Ayrton Senna e o Túnel da Convanca. A Polícia Militar permanece na região.

A PMERJ informou que policiais do 18º Batalhão foram "atacados a tiros por criminosos" quando faziam patrulhamento de rotina, por volta das 7h, e confirmou que houve tiroteio . A corporação alegou que, até o momento, não houve registro de feridos.

Leia também: PF apreende 1,2 tonelada de cocaína escondida em máquinas no Porto de Santos

Você viu?

Linha Amarela era alternativa a via interditada por operação policial

undefined
Reprodução/Twitter - @Suedfreitas

Tiroteios na Linha Amarela, zona oeste do Rio de Janeiro, tem sido recorrentes

As complicações no trânsito da Linha Amarela nesta manhã foi ainda mais sensível à cidade porque ela servia como alternativa à Autoestrada Grajaú-Jacarepaguá , na zona norte, que passou mais de três horas interditada, nos dois sentidos, devido a operação policial no Complexo do Lins. A ofensiva foi realizada desde as primeiras horas do dia por unidades do Comando de Operações Especiais ( COE), com apoio do 3º Batalhão da Polícia Militar. De acordo com as autoridades fluminenses, a via só foi reaberta às 8h37.

A prefeitura do Rio recomenda que os motoristas que pretendem sair da região do Recreio com destino ao Centro sigam pela Estrada dos Bandeirantes, Rua Cândido Benício e Avenida Dom Hélder Câmara. Já quem segue para a Avenida Brasil, a melhor alternativa é a TransOlímpica. Saindo da Barra da Tijuca com destino ao Centro, o melhor caminho é seguir pelo Alto da Boa Vista ou pela Autoestrada Lagoa-Barra.

A Linha Amarela tem sido palco de cenas de pânico para os motoristas fluminenses recorridas vezes ao longo deste ano por conta de tiroteios nas proximidades com a Cidade de Deus – situação que se manteve mesmo após o início da intervenção militar no Rio de Janeiro.

Leia também: Paulistano perde 2h43 por dia no trânsito e vê ineficácia no combate a assédios

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários