Tamanho do texto

Operação desta quinta-feira é a segunda fase de uma deflagrada em fevereiro deste ano; ao todo, 91 mandados judiciais estão sendo cumpridos

PF cumpre 40 mandados de prisão em seis estados brasileiros contra esquema de roubo de cargas
Marcelo Camargo/ Agência Brasil - 05.09.2016
PF cumpre 40 mandados de prisão em seis estados brasileiros contra esquema de roubo de cargas

Com o apoio do Ministério Público de Goiás, uma força tarefa composta por 450 agentes da Polícia Federal , da Polícia Rodoviária Federal e da Polícia Militar, que investiga um esquema de roubo de cargas, está cumprindo 91 mandados judiciais em cidades distribuídas em seis estados brasileiros. No total, 40 dos mandados são de prisão.

Leia também: PF deflagra Operação Gotham City para prender Batman e Robin; entenda

A Operação Hicsos II, como a ação foi apelidada, tem como alvos empresários do comércio e políticos, incluindo uma uma vereadora suplente que teria lavado dinheiro para integrantes da organização criminosa. Sua ligação com os delitos teria sido confirmada após a prisão de seu marido, na primeira fase da operação que investiga roubo de cargas .

Acusados de movimentar cerca de R$ 30 milhões, os envolvidos responderão pelos crimes de roubo qualificado, cárcere privado, lavagem de dinheiro, organização criminosa, tráfico de drogas e receptação.

Na primeira fase da operação, a Hicsos I, ao todo, 104 envolvidos foram presos. Também nessa primeira parte da operação, os policiais recuperaram 15 armas de fogo, 15 veículos e mais de R$ 500 mil em cargas.

Leia também: Contra cortes no passe livre, estudantes ocupam prédio da Câmara de São Paulo

A tática dos criminosos consistia em abordar caminhões em rodovias, utilizando falsas barreiras e até mesmo equipamentos que dificultavam o rastreamento dos veículos. Após identificar cargas de alto valor nos caminhões, o grupo anunciava o assalto.

Primeira fase da operação

Em fevereiro, cerca de 350 policiais cumpriram a primeira fase da Operação Hicsos. Ao todo, 82 mandatos, sendo 37 de prisão preventiva, 14 de condução coercitiva e 31 de busca e apreensão foram deflagrados no dia 22 de fevereiro. 

A ação aconteceu no Distrito Federal, em Goiânia, Anápolis, Aparecida de Goiânia, Trindade, Bela Vista, Leopoldo de Bulhões, Alexânia, Morrinhos e Campos Belos, todas localizadas no estado de Goiás.

Leia também: PF deflagra operação contra roubo de cargas de alto valor em Goiás e DF

Segundo nota da Polícia Federal, a investigação apontou "um esquema de roubo de carga financiado por empresários de inúmeros ramos do comércio, incluindo desde postos de combustíveis até supermercados e distribuidoras de alimentos e bebidas". Os empresários encomendavam as mercadorias, pagavam metade do valor e revendiam em seus estabelecimentos "como se fosse mercadoria legalmente adquirida”.

* Com informações da Agência Brasil.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.