Tamanho do texto

De acordo com a companhia aérea Azul, a pista já foi liberada e os voos começaram a ser regularizados por volta das 9h desta terça-feira; entenda

O aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP), ficou fechado durante a manhã desta terça-feira
Reprodução
O aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP), ficou fechado durante a manhã desta terça-feira

O Aeroporto de Viracopos , na cidade de Campinas , no interior de São Paulo, fechou para pousos e decolagens na manhã desta terça-feira (25).

Leia também: Mulher é presa com 6 kg de metanfetamina no Aeroporto de Guarulhos

O motivo? Um pneu que estourou em um avião particular, que pousava na pista. O Aeroporto de Viracopos tem uma única e longa pista. Com o incidente, o caminho ficou obstruído.

De acordo com as primeiras informações, o avião que sofreu o incidente era do modelo AC-95.

A operação de reabertura da pista é considerada complexa, porque a aeronave não pode ser içada a uma plataforma para poder ser completamente retirada do local.

O procedimento de reabertura do aeroporto começou a ser feito perto das 8h30 e a expectativa é de que a operação comece a ser normalizada pouco tempo depois. De acordo com a companhia Azul, os voos já estavam sendo regularizados por volta das 9h.

Leia também: PF já apreendeu mais de 1 tonelada de drogas neste ano no aeroporto de Guarulhos

Segundo a Globo News , nove voos que pousariam em Viracopos foram alternados para outros terminais. No entanto, as companhia aéreas e o terminal não informaram quais voos foram afetados.

Pelo menos, não eram tartarugas

Se o ocorrido em Viracopos surpreende os brasileiros, um episódio que paralisou os voos em um aeroporto de Nova York, no início do mês, faria qualquer um cair na risada.

Vários voos com saída do aeroporto John F. Kennedy sofreram atrasos no dia 7 de julho. A parte inusitada da notícia é o que motivou tal atraso: dezenas de tartarugas em época de reprodução.

Acontece que as tartarugas resolveram atravessar as pistas de pouso e decolagem para depositar seus ovos justo durante a tarde, quando diversos aviões estavam na pista.

Muitos deles ficaram mais tempo na posta para garantir que esses animais, da espécie diamante, fossem levados em segurança para fora das pistas. Ao todo, 40 pequenas procriadoras foram resgatadas na operação, que aconteceu depois das 16h45 – no horário local.

Passageiros usaram as redes sociais para falar sobre o caso com bastante bom humor. "No momento preso no JFK pela única razão aceitável que um piloto já informou", escreveu o escritor Daniel Kibblesmith.

Leia também: Sem pressa: tartarugas invadem aeroporto e atrasam voos em Nova York

No caso do Aeroporto de Viracopos, passageiros reclamaram, no twitter, a respeito do atraso, e anunciaram que estavam "presos" dentro do terminal, sem notícias sobre os seus voos. "Viracopos fechado por conta de um pouso de emergência e a gente aqui de castigo", escreveu uma internauta.