Tamanho do texto

Ciclofaixas de lazer serão implantadas das 7h às 16h pela CET, e a Avenida Paulista e a Praça da República vão receber eventos políticos da CUT

O feriado Dia do Trabalho começa frio na cidade de São Paulo nesta segunda-feira (1º), mas as temperaturas vão subir, podendo passar dos 23ºC, segundo o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências). Felizmente, não há previsão de chuva, então o paulistano vai poder aproveitar a folguinha da semana.

Leia também: CUT faz acordo com justiça e fará shows na Praça da República

Apesar do feriado, a Zona Azul vai continuar valendo conforme o horário da placa indicativa, informou a prefeitura
Cesar Ogata/Secom
Apesar do feriado, a Zona Azul vai continuar valendo conforme o horário da placa indicativa, informou a prefeitura

Uma opção são as ciclofaixas de lazer de São Paulo , que vão ser implantadas das 7h às 16h pela CET (Companhia de Engenharia de Tráfego). Atenção para a Avenida Paulista, que normalmente fica fechada nos feriados, mas poderá receber um ato político da CUT (Central Única dos Trabalhadores) nas proximidades com a Rua da Consolação.

Anteriormente, a programação contava também com shows, que foram transferidos para a Praça da República pela prefeitura. “Pelo acordo, a CUT poderá realizar um ato político na Avenida Paulista, com um carro de som, sem shows. O veículo deverá permanecer estático nas proximidades da Rua da Consolação. Não será possível a interrupção da Rua da Consolação, via utilizada pelo transporte público e uma das poucas transversais da Avenida Paulista completamente aberta ao tráfego nos domingos e feriados”, afirma nota da administração pública.

Zona Azul continua valendo

Como é feriado, o rodízio municipal está suspenso nesta segunda-feira. A Zona Azul e as faixas de exclusivas para ônibus, entretanto, funcionam conforme a a sinalização existente nas placas indicativas.

Leia também: Médica é baleada por ordem para atirar em carros com vidros levantados

Será implantada também a Operação Retorno. As vias com maior circulação de carros deverão ser as marginais Tietê e Pinheiros, avenidas dos Bandeirantes, Presidente Tancredo Neves, Professor Luís Inácio Anhaia Melo, Salim Farah Maluf, Professor Abraão de Morais, Professor Francisco Morato, Raimundo Pereira de Magalhães e Jacu Pêssego, a Rua das Juntas Provisórias e eixos Norte e Sul e Leste e Oeste.

Abre e fecha

Os mercados municipais vão estar, em sua maioria, fechados. Os únicos abertos serão os de Pirituba, das 7h às 14h, Teotônio Vilela, entre 7h e 13h, e Pátio Paria, das 4h às 17h. Já os sacolões funcionam. Apenas o da Brigadeiro, de Jaguaré, João Moura, Rio Pequeno e São Miguel estarão fechados.

Leia também: Mega-Sena acumula e pode pagar até R$ 40 milhões na quarta-feira

“Os hospitais, prontos-socorros e Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) funcionarão o dia todo, ininterruptamente. As AMAs Especialidades, Unidades Básicas de Saúde (UBS), UBS Integrais, os Ambulatórios de Especialidades (AE) e as unidades da Rede Hora Certa fecharão na segunda-feira, dia 1º de maio”, diz nota da prefeitura de São Paulo. Já os parques e Centros Educacionais Unificados estarão abertos para a população.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.