Tamanho do texto

Diplomata de 60 anos conseguiu reagir e imobilizar criminoso em plena Barra da Tijuca, próximo a diversos eventos dos Jogos Olímpicos

Estadão Conteúdo

Segundo informações da Polícia Civil, o bandido acabou atingido por um tiro da arma que ele mesmo portava
Estefan Radovicz/Estadão Conteúdo - 3.8.2016
Segundo informações da Polícia Civil, o bandido acabou atingido por um tiro da arma que ele mesmo portava



Ao reagir a uma tentativa de assalto, o vice-cônsul da Rússia imobilizou e matou um dos criminosos da ação nesta quinta-feira (4), na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro.  Natural de Minas Gerais, o diplomata de 60 anos que não teve sua identidade revelada estava em um carro de marca BMW com a mulher e a filha quando foi abordado por dois homens armados em uma moto.

LEIA MAIS:  Bombeiros buscam corpo de taxista que caiu no mar ao fugir de assalto no RJ

Um dos assaltantes quebrou o vidro do carro, mas logo foi imobilizado pelo vice-cônsul. Segundo informações da Polícia Civil, o bandido acabou atingido por um tiro da arma que ele mesmo portava. De acordo com a Delegacia de Homicídios, para onde o caso foi encaminhado, o assaltante morto era de São Paulo. O comparsa conseguiu fugir. 

LEIA MAIS:  Médica é baleada e morta em tentativa de assalto, no Rio de Janeiro

Na mesma hora da ação, aconteciam diversos eventos dos Jogos Olímpicos na região. 

*Com informações do Estadão Conteúdo

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.