Tamanho do texto

Grupo agia há cerca de dois anos em cidades do interior de São Paulo; policiais apreenderam R$ 104 mil, carros e motocicletas

Nas buscas nas casas dos criminosos, a Polícia apreendeu R$ 104 mil, dois carros e nove motos
Divulgação/Secretaria de Segurança Pública
Nas buscas nas casas dos criminosos, a Polícia apreendeu R$ 104 mil, dois carros e nove motos

A Polícia Civil prendeu, na manhã desta quarta-feira (2), uma quadrilha acusada de ao menos oito roubos a condomínios. Cinco homens foram presos na capital e em Arujá e Jacareí, cidades do interior de São Paulo.

A Polícia chegou até os criminosos por meio de interceptações de ligações telefônicas, e perceberam que os crimes ocorriam de maneira semelhante. Na última segunda-feira (29), o grupo assaltou um condomínio em Mogi das Cruzes e, após o assalto, tentaram extorquir as vítimas por telefone. 

O grupo usava drones para filmar os condomínios e planejar a execução dos crimes. Segundo informações da Polícia Civil, os criminosos tinham um modo característico de agir: pediam para as vítimas arrumar as malas dos filhos, e depois do assalto, pediam dinheiro e ameaçavam sequestrar as crianças. O grupo já agia há cerca de dois anos nas cidades de Mogi das Cruzes, Arujá, Jacareí, São José dos Campos, Campinas, Itu e Barretos, declarou a Polícia. 

Na casa dos integrantes da quadrilha, policiais encontraram R$ 104 mil, além de celulares, joias, relógios e eletrônicos. Também foram recuperados nove carros e duas motocicletas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas