Tamanho do texto

Quatro foram presos; grupo mantinha vítimas em cativeiro enquanto realizava saques e compras com cartões de banco

Sede do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa, na região central de São Paulo
Google Street View
Sede do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa, na região central de São Paulo

Quatro pessoas de uma quadrilha que praticava sequestros relâmpagos e roubos na região nobre de Pinheiros, na zona oeste da cidade de São Paulo, foram presos pela Polícia Civil, nesta quinta-feira (4). 

O Departamento Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) investigava casos de pessoas que eram sequestradas no bairro e levadas até o Jardim Colombo, próximo à Vila Sônia, onde eram mantidas em cativeiro enquanto o grupo realizava saques e compras com seus cartões de banco.

Durante as apurações, os investigadores descobriram que o bando também estava envolvido em roubos a residências e de carga. A quadrilha foi presa no momento em que entregava uma carga de chocolate levada de um caminhão no bairro do Morumbi, dois dias antes. 

Os quatro, que já foram reconhecidos fotograficamente por algumas vítimas, foram indiciados por roubo qualificado, receptação e organização criminosa. Dois deles já possuíam mandado de prisão preventiva decretado pela Justiça.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas