Rio-Paris: Air France condenada a pagar indenizações a famílias francesas

Indenização de 400 mil euros deve ser paga às famílias de dois casais de passageiros do voo 447 da Air France

AFP |

A Air France e sua seguradora Axa foram condenadas nesta terça-feira a pagar mais de 400 mil euros em adiantamentos de indenizações às famílias de dois casais de passageiros do voo 447 Rio-Paris, que caiu no Oceano Atlântico em 2009, segundo um julgamento do Tribunal de Alta Instância de Toulouse.

No que concerne à responsabilidade da companhia aérea, o juiz do tribunal de Toulouse ordenou o pagamento de 203.235 euros a uma família de Saint-Jean, próximo a Toulouse, e de 203.235 euros aos filhos e pais de um casal de Gironde.

Por outro lado, a queixa contra a Airbus pelo "defeito em um produto defeituoso" foi rejeitada pelo tribunal, que considerou que, com o processo penal e a análise do Escritório de Investigações e Análises (BEA) francês em andamento, não é possível se pronunciar de maneira definitiva.

O voo Rio-Paris caiu no mar com 228 pessoas a bordo no dia 1º de junho de 2009 e a Convenção de Montreal prevê que aqueles que têm o direito possuem dois anos para pedir a sua aplicação.

    Leia tudo sobre: air france447acidente

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG