RIO DE JANEIRO - Cerca de 150 pessoas estiveram presentes na missa realizada em homenagem aos passageiros desaparecidos do voo 447 da Air France no início da noite desta sexta-feira na igreja de Nossa Senhora do Carmo, da antiga Sé, no centro do Rio de Janeiro.


Reuters
Missa no centro do Rio reúne 150 pessoas

Missa no centro do Rio reúne 150 pessoas

A cerimônia religiosa durou cerca de 1h20 e foi presidida pelo arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani Tentesta. De acordo com o religioso, enquanto nada for encontrado a Igreja não deixará de ter esperança em localizar sobreviventes ou corpos. "O momento é de dor, mas temos que ter força", avaliou.

Entre os presentes na cerimônia estava a estudante Tuane Rocha, de 26 anos, noiva do empresário Russo Andrei Kiselev, de 47 anos, que estava no voo da Air France. Segundo a estudante, eles estavam juntos há um ano e meio e o empresário tinha vindo ao Rio para oficializar o noivado.

Inicialmente, Andrei voltaria para Moscou no dia 24 de maio, mas decidiu adiar o retorno para o dia 31, para ficar mais tempo com a noiva. De acordo com Tuane, ele voltaria ao Brasil para casar com a estudante no próximo dia 18, dia do aniversário dela.

"É inacreditável pensar que um voo da Air France simplesmente desapareceu", disse. "Está estranha a falta de uma notícia completa. Eu só quero enterrar o meu noivo", completou, extremamente emocionada.

Missas:

Saiba mais

Dor das famílias

Vídeos

Fotos

Leia também

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.