Investigação de acidente se aproxima de conclusão, diz França

Paris - A investigação do acidente da Air France está se aproximando do objetivo de encontrar as causas da catástrofe, afirmou nesta quarta-feira o diretor do Escritório de Pesquisa e Análise Francês (BEA).

Redação com agências |

"Não digo que será um trabalho fácil, mas afirmo que nos esforçamos ao máximo. Acredito que este trabalho realizado até agora nos aproximou de nosso objetivo", assegurou o diretor, Paul-Louis Arslanian.

Segundo os investigadores, cerca de 400 restos da aeronave foram encontrados, mas ainda não se sabe onde estão as caixas-pretas .

O diretor do BEA assinalou que a investigação é conduzida levando em conta "todos os elementos recolhidos até agora", sejam dos restos do avião ou das mensagens de rádio enviadas no dia da catástrofe.

No entanto, informou que o BEA ainda não tem os resultados das autópsias realizadas no Brasil dos corpos recuperados no mar.

avião da Air France desaparece

Mais um corpo encontrado

Os comandos da Marinha e da Aeronáutica informaram no início da noite desta terça-feira que mais um corpo foi resgatado nas buscas às vítimas e destroços do Airbus da Air France. O corpo foi avistado e recolhido pela corveta Caboclo por volta das 11h30. Agora, o número de corpos resgatados chega a 50.

Desde o dia 12 de junho novos corpos não eram encontrados. Este corpo foi resgatado na área Dacar, 460 quilômetros a noroeste do arquipélago São Pedro e São Paulo, e vai ser tranferido para o navio-tanque Gastão Moura, que possui câmaras frigoríficas. Esta embarcação tem capacidade para abrigar 20 corpos e permanece na área de buscas.

Entre o primeiro corpo de vítima do acidente encontrado e este que foi resgatado nesta terça há uma distância de 145 quilômetros. A área de buscas se localiza a 1450 quilômetros de Recife, onde estão sendo recolhidos vários destroços e peças de diferentes tamanhos, que chegam a ter dois metros.

Entenda

Dor das famílias

Vídeos

Fotos

Leia também

    Leia tudo sobre: avião

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG