Estrutura em hotel para familiares de passageiros do voo 447 é desmontada

RIO DE JANEIRO ¿ A empresa aérea Air France informou nesta segunda-feira que a estrutura de apoio aos parentes das vítimas do voo 447 montada no Hotel Guanabara, no centro do Rio de Janeiro, foi desativada. Segundo a companhia francesa, a atitude foi tomada porque as famílias que estavam hospedadas no hotel já deixaram o local, não sendo mais necessário manter a estrutura.

Redação |

No Hotel Guanabara, os familiares dos passageiros do voo 447 tinham à disposição quartos para ficarem hospedados e o apoio de psicólogos, voluntários e oficiais da Marinha e da Aeronáutica.

De acordo com a Air France, a estrutura foi desmontada, mas a empresa aérea ainda mantém no hotel um posto onde os parentes podem obter informações sobre as buscas e investigações. O posto funciona de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h.

Indenização

Nesta segunda-feira, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou em Genebra, na Suíça, que o presidente francês Nicolas Sarkozy prometeu que irá indenizar todas as famílias das vítimas do acidente com o Airbus A330.

Segundo a seguradora Axa Corporate Solutions, a Air France irá receberá 67,4 milhões de euros das companhias de seguros pelo acidente com o voo 447.

A companhia aérea francesa informou que por enquanto não irá se pronunciar a respeito das indenizações aos parentes. A empresa quer aguardar as investigações para tomar uma decisão.

Entenda

Dor das famílias

Vídeos

Fotos

Leia também

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG