Avião desaparecido teve curto-circuito após turbulência, diz Air France

PARIS - A Air France informou nesta segunda-feira que o avião que desapareceu após decolar do Rio de Janeiro com destino a Paris enviou uma mensagem automática de curto-circuito às 23h14 de Brasília, após ter atravessado uma forte turbulência.

Redação com agências |

Veja no infográfico a rota do airbus avião da Air France desaparece

De acordo com o piloto Jarbas Barros, se houve um curto-circuito, "é provável que o quadro tenha evoluído para uma pane elétrica". Ele esclarece que esta pane pode afetar o sistema usado no controle dos comandos das aeronaves.

O voo AF 447 desapareceu com ao menos 228 pessoas a bordo. A aeronave, um Airbus A 330-200, deixou o Rio às 19h e tinha previsão de chegar à capital francesa às 6h15 (de Brasília), segundo a empresa.

"O avião pode ter sido atingido por um raio. É uma possibilidade", disse François Brousse, chefe de comunicação da Air France. O Airbus A330 desapareceu na madrugada desta segunda-feira dos monitores de controle.

No entanto, Valtécio Alencar, especialista em aviação civil e editor-chefe da revista Aero Magazine, diz que não é comum que acidentes com aviões de grande porte sejam causados por raios. "Eu não sei de nenhum acidente em que o avião tenha sido derrubado após ser atingido por um raio", diz ele.

Segundo o especialista, os aviões têm um sistema que os protege de descargas elétricas como as causadas por raios, a chamada gaiola de Faraday. "Além disso, os aviões têm sistemas elétricos redundantes, duplos", diz Alencar. 

O Centro de Comunicação da Aeronáutica informou que o último contato do avião da Air France com o controle aéreo do Brasil foi às 22h33, pouco antes de passar para o controle aéreo da África.

AFP
Modelo do avião que desapareceu dos radares na madrugada desta segunda

A companhia aérea disponibilizou um números de telefone para informações aos parentes dos passageiros. Veja a lista aqui .

Buscas

A Força Aérea Brasileira (FAB) confirmou que iniciou as buscas pelo Airbus A330 da Air France que saiu do Rio de Janeiro às 19h deste domingo. Aviões da Força Aérea do Brasil iniciaram as buscas pela aeronave a partir da ilha de Fernando de Noronha, informou a Aeronáutica.

O avião da Air France estava "bem avançado no Atlântico", informou a Força Aérea Brasileira. "Estava bem avançado no Atlântico quando fez o último contato", disse à Reuters por telefone um assessor de imprensa da FAB em Brasília. 

Segundo a Air France, o avião enviou uma mensagem às 02h14 GMT(23h14 e domingo, hora de Brasília) informando da ocorrência do curto-circuito após passar por fortes turbulências.


Mapa do local onde a Força Aérea realiza buscas / Reprodução

Leia também:

Leia mais sobre: viagem aérea

    Leia tudo sobre: acidente aéreo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG