dividindo especialistas em aviação." / dividindo especialistas em aviação." /

Avião de Air France voava a uma velocidade incorreta, diz jornal

O Airbus A330 da Air France que desapareceu no Oceano Atlântico na segunda-feira com 228 pessoas a bordo voava a uma velocidade incorreta, afirma o jornal Le Monde, que cita fontes ligadas às investigações. As possíveis explicações para o desaparecimento do voo 447 continuam http://ultimosegundo.ig.com.br/voo447airfrance/2009/06/03/especialistas+divergem+sobre+causas+do+desaparecimento+do+aviao+da+air+france+6526976.html target=_topdividindo especialistas em aviação.

AFP |

A Airbus, que construiu a aeronave que decolou do Rio de Janeiro no domingo com destino a Paris, deve publicar uma recomendação, com a autorização do Escritório de Investigações e Análises (BEA) francês, responsável pelas investigações, destinada a todas as companhias aéreas que utilizam o A330, segundo o jornal.

A recomendação permitirá à empresa recordar que "no caso de condições meteorológicas difíceis, a tripulação deve conservar a potência dos motores e o ângulo correto para manter a aeronave na linha de voo", acrescenta o "Le Monde".

Veja no infográfico a rota do airbus Voo 447 da Air France

Procurada pela AFP, a construtora aérea não comentou a notícia e afirmou que o BEA deve ser consultado.

"Cada vez que acontece um acidente, é imperativo que o construtor informe a todos os usuários do tipo de aeronave envolvido sobre eventuais procedimentos específicos a colocar em prática ou eventuais controles das aeronaves", afirmou à AFP uma fonte ligada a Airbus.

"Estes procedimentos são validados pelas autoridades a cargo das investigações de acidentes, neste caso preciso o BEA, e se chamam AIT (Accident Information Telexes)", completou a fonte.


Entenda

Dor das famílias

Vídeos

Fotos

Leia também

    Leia tudo sobre: acidente aéreo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG