Obama na Am. Latina

enhanced by Google
 

Dilma ratifica desejo do Brasil por assento em Conselho da ONU

Presidenta destaca que 'estamos prontos para dar a nossa contribuição para a paz mundial', mas Obama não é enfático sobre tema

Danilo Fariello, iG Brasília | 19/03/2011 15:15

Compartilhar:

A presidenta Dilma Rousseff ratificou em discurso no Palácio do Itamaraty, antes do almoço com o presidente dos EUA, Barack Obama, que o Brasil quer um assento permanente no Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU).

“Estamos prontos para dar a nossa contribuição para a paz no Conselho de Segurança”, declarou. Dilma destacou que o Brasil deseja um Conselho mais abrangente, com mais participantes.

Já o presidente Obama foi mais reticente em sua declaração, destacando, sobre esse tema, apenas o aumento da importância do Brasil enquanto líder regional e participante global.

Obama destacou as palavras do ex-presidente Juscelino Kubitschek, que apontou Brasília como aurora de um novo dia para o Brasil.

Enquanto o presidente Obama pressiona a ditadura Líbia com ameaças de ataque, em caso de permanência da situação atual de repressão, a Dilma ratificou a vontade de paz pelo Brasil.

A presidente lembrou do discurso célebre do primeiro grande líder negro americano, Martin Luther King, dizendo que ela também possui um sonho, de harmonia e paz.

O Brasil atuamente ocupa a presidência do Conselho de Segurança, com um assento rotativo e se absteve da decisão por atacar o governo Líbio.

    Notícias Relacionadas



    Ver de novo