Americanos dominam competição pelo Leão de Ouro

Filmes de Sofia Coppola, Darren Aronofsky, Vincent Gallo e Julian Schnabel estão entre os concorrentes no Festival de Veneza

Mariana Morisawa, enviada especial a Veneza |

Divulgação
Natalie Portman em "Black Swan", de Darren Arofnovsky, o filme de abertura do festival
Vem forte a representação norte-americana na competição do 67º Festival de Veneza, que acontece entre 1 e 11 de setembro no Lido . O domínio dos Estados Unidos na busca pelos troféus começa já na abertura , com Black Swan , de Darren Aronofsky, vencedor do Leão de Ouro por O Lutador dois anos atrás. No elenco, estão Natalie Portman, Mila Kunis, Winona Ryder e Vincent Cassel.

Nos outros dias de disputa, passam pelo tapete vermelho de um Palazzo del Cinema em reforma mais cinco produções norte-americanas. Sofia Coppola comparece com Somewhere , seu primeiro longa depois de Maria Antonieta . O polêmico ator e diretor Vincent Gallo , que escandalizou Cannes em 2003 com The Brown Bunny , mostra Promises Written in Water – ele tem um curta-metragem, The Agent , na mostra Horizontes, e participa como ator de Essential Killing , do polonês Jerzy Skolimowski, também em competição. O veterano diretor cult Monte Hellman vem com Road to Nowhere . Já Kelly Reichardt, que fez certo barulho no circuito indie com Wendy and Lucy (2008), volta a trabalhar com Michelle Williams em Meek’s Cutoff . Julian Schnabel, de O Escafandro e a Borboleta (2007), concorre com Miral , co-produção dos Estados Unidos com França, Itália e Israel, estrelada por Freida Pinto e Vanessa Redgrave.

O segundo país com mais participantes, lógico, é a Itália, com quatro representantes: La Pecora Nera , de Ascanio Celestini (ator de Meu Irmão É Filho Único ); La Solitudine dei Numeri Primi , dirigido por Saverio Costanzo e baseado no romance de Paolo Giordano; Noi Credevamo , de Mario Martone; e La Passione , de Carlo Mazzacurati. Já a França compete com Venus Noire , de Abdellatif Kechiche (diretor de O Segredo do Grão) , Potiche , de François Ozon, que volta a trabalhar com Catherine Deneuve, e Happy Few , de Antony Cordier.

Outros nomes conhecidos, como o alemão Tom Tykwer ( Drei ), o espanhol Álex de La Iglesia (), o chinês Tsui Hark ( Detective Dee and the Mystery of Phantom Flame ) e o japonês Takashi Miike ( 13 Assassins ), também disputam o Leão de Ouro. O vietnamita Anh Hung Tran, de O Cheiro do Papaia Verde , dirige o longa japonês Norwegian Wood , baseado no livro de Haruki Murakami. Mas a competição, neste ano, também está recheada de nomes menos populares, como a grega Athina Rachel Tsangari, com Attenberg , o canadense Richard J. Lewis, com Barney’s Version , e o russo Aleksei Fedorchenko, com Ovsyanki . O chileno Pablo Larraín, com Post Mortem , é o único latino-americano da disputa. Um 24º competidor vai ser anunciado no dia 6 de setembro.

Divulgação
Álex de la Iglesia traz palhaços para Guerra Civil Espanhola em "Balada Triste de Trompeta"
Fora de competição

Como sempre, atrações estreladas estão reservadas para as sessões não-competitivas. A família Affleck está bem representada, com o irmão mais velho Ben exibindo The Town , dirigido e estrelado por ele, ao lado de Rebecca Hall, Jon Hamm, Jeremy Renner e Blake Lively, e o mais novo, Casey, mostrando I’m Still Here , o documentário sobre a nova vida de Joaquin Phoenix, agora rapper. Robert Rodriguez e Ethan Maniquis mostram seu Machete , com Danny Trejo e Jessica Alba, numa sessão da meia-noite no dia da abertura.

O encerramento fica por conta de The Tempest , versão de Julie Taymor ( Across the Universe ) para A Tempestade , de William Shakespeare, estrelada por Helen Mirren. John Woo, que é homenageado com um Leão de Ouro pela carreira, aparece com Reign of Assassins , dirigido em parceria com Su Chao-pin.

Martin Scorsese e Kent Jones apresentam A Letter to Elia , documentário sobre o polêmico diretor Elia Kazan. Para homenagear Dennis Hopper, morto em maio, há a exibição de The Last Movie , filme dirigido pelo ator em 1971. O cineasta brasileiro Andrucha Waddington estreia Lope , co-produção com a Espanha sobre o escritor e dramaturgo Lope de Vega, interpretado por Alberto Ammann.

Horizontes

A mostra, que sempre foi um espaço para filmes mais ousados em termos de linguagem, foi reformulada e passa a abrigar produções experimentais em diversos formatos, inclusive curtas-metragens – Manoel de Oliveira mostra Painéis de São Vicente de Fora, Visão Poética , e o roteirista Guillermo Arriaga aparece com El Pozo . O brasileiro Luiz Pretti exibe O Mundo É Belo , de 9 minutos de duração.

Divulgação
Fora de competição, "I'm Still Here" enfoca comportamento bizarro do ator Joaquin Phoenix
A abertura fica por conta do longa-metragem La Belle Endormie , de Catherine Breillat, e o encerramento será com Ok-hui-ui Yeonghwa , dirigido pelo sul-coreano Sang-soo Hong, premiado na mostra "Um Certo Olhar" de Cannes, em 2010, com Ha Ha Ha .

Mostras paralelas

Um curta-metragem dirigido por Jafar Panahi, cineasta iraniano que foi preso neste ano pelo governo de seu país, é a principal atração da "Giornate Degli Autori - Venice Days", mostra paralela ao Festival de Veneza. The Accordion fala de um menino e de uma menina que têm seu instrumento musical confiscado em Teerã. Outros nomes conhecidos do cinema mundial, como Bertrand Blier (com Le Bruit des Glaçons ), Danis Tanovic ( Cirkus Columbia ) e Marion Hänsel ( Noir Océan ), também integram a Jornada dos Autores.

A Semana Internacional da Crítica, por sua vez, conta com Svinalängorna , da atriz Pernilla August, e com produções da Itália ( Notte Italiana , de Carlo Mazzacurati, e Hai Paura Del Buio , de Massimo Coppola), da França ( Angèle et Tony , de Alix Delaporte), da Eslovênia ( Oca , de Vlado Skafar), da Grécia ( Hora Proèlefsis , de Syllas Tzumerkas), do México ( Martha di Marcelino , de Islas Hernández), das Filipinas ( Limbunan , de Gutierrez Mangansakan II) e de uma coprodução Israel-França ( Hitparzut X , de Eitan Zur).

    Leia tudo sobre: festival de venezacinemaprogramação

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG