O que esperar dos artistas que vão tocar no SWU

Saiba como serão os shows no festival em Paulínia, no interior de São Paulo

iG São Paulo |

Três dias de muito rock, com uma boa dose de pop, rap e até uma lenda da música acompanhada de uma orquestra para temperar. A segunda edição do festival SWU , que acontece de 12 a 14 de novembro em Paulínia, no interior de São Paulo, terá atrações para todos os gostos. No total, serão mais de 70 atrações, divididas em dois palcos principais, um secundário e uma tenda eletrônica. Veja abaixo o que esperar dos dez principais nomes do evento.

Acesse o especial SWU

LEONARDO SOARES/AGÊNCIA ESTADO/AE
Will.I.am e Fergie, do Black Eyed Peas
Black Eyed Peas (Sábado, 12/11)
Os shows do Black Eyed Peas não são mistério nenhum para o público brasileiro. Afinal, a banda já veio ao Brasil em várias oportunidades, a mais recente no ano passado. A apresentação no SWU não deve ser diferente das daquela turnê: hits como "Rock that Body" e "My Humps" na primeira parte, um bloco solo de Fergie, mais hits e, para fechar, já no bis, o sucesso planetário "I Gotta Feeling".

Kanye West (Sábado, 12/11)
Se Kanye West repetir o que fez no festival Austin City Limits, em setembro, seu show no SWU terá ares de superprodução. Trocas de roupa, dançarinos, efeitos de luz - mais ou menos como aconteceu em sua primeira passagem pelo Brasil, no Tim Festival de 2008. No repertório, muitas músicas de seu disco mais recente, "My Beautiful Dark Twisted Fantasy", junto com pérolas dos álbuns "Graduation" e "The College Dropout".

Lynyrd Skynyrd (Domingo, 13/11)
A formação do Lynyrd Skynyrd que vem ao SWU tem pouco em comum com a banda que fez sucesso nos anos 1970 como um dos principais representantes do southern rock. E nem poderia, já que três integrantes do grupo (incluindo o vocalista Ronnie Van Zant) morreram num acidente aéreo em 1977. A atual formação tem o irmão mais novo de Ronnie, Johnny, nos vocais e continua tocando antigos sucessos, como "Sweet Home Alabama".

Leia também: Vai ao SWU? Saiba o que levar na mala

Peter Gabriel (Domingo, 13/11)
Muitas atrações do SWU farão retrospectivas de seus maiores sucessos, em versões bem próximas às originais. Não será o caso de Peter Gabriel. Ele vem ao Brasil acompanhado de uma orquestra, para resgatar músicas mais obscuras de sua longa carreira em versões sem guitarra ou bateria. Das conhecidas, só "Solsbury Hill", "Don't Give Up" e "Mercy Street" devem aparecer.

Getty Images
Courtney Love, do Hole
Hole (Domingo, 13/11)
A atual formação do Hole lembra um pouco o que aconteceu com o Guns N'Roses. Assim como naquela banda só sobrou Axl Rose da formação inicial, no atual Hole a única integrante original é Courtney Love. Ao reformar o grupo, há dois anos, ela chamou três novos músicos para acompanhá-la. Os antigos companheiros foram deixados para trás, mas as músicas não: "Celebrity Skin", "Violet", "Miss World" e "Malibu" continuam nos shows.

Duran Duran (Domingo, 13/11)
No ano passado, o Duran Duran lançou seu disco mais elogiado em mais de 20 anos, "All You Need Is Now". A turnê que vai passar pelo SWU promove este álbum. Mas, obviamente, não deixa de lado os antigos sucessos dos anos 1980. Ao lado de novidades como "Before the Rain", estão clássicos como "Planet Earth", "Notorious", "Hungry Like the Wolf", "Ordinary World" e "A View to a Kill", entre outros.

Faith no More (Segunda, 14/11)
O repertório do show do Faith no More no SWU ainda é um mistério, já que a banda ainda não fez nenhuma apresentação em 2011. Mas, como seu último álbum saiu há 14 anos, é pouco provável que o show seja muito diferente do última que a banda fez no Brasil, em 2009. Ou seja, uma retrospectiva bem balanceada da carreira, com destaque para as músicas do disco "King for a Day... Fool for a Lifetime" (1995).

Reuters
Mike Patton, vocalista do Faith No More
Alice in Chains (Segunda, 14/11)
Layne Staley, vocalista original do Alice in Chains, morreu em 2002, vítima de uma overdose. A formação que vem agora ao Brasil traz o cantor William DuVall em seu lugar. Da formação original, sobraram o guitarrista Jerry Cantrell e o baterista Sean Kinney. Mesmo desfalcado, o grupo continua tocando sucessos de sua fase clássica, como "Man in the Box" e "Would", ao lado de canções do recente "Black Gives Way to Blue" (2009).

Stone Temple Pilots (Segunda, 14/11)
Na sua atual turnê, o Stone Temple Pilots está seguindo à risca a cartilha das bandas que se reúnem para agradar os antigos fãs: toca principalmente músicas de seus dois primeiros discos, "Core" (1992) e "Purple" (1994). Quem quiser ouvir sucessos como "Sex Type Thing", "Vasoline", "Plush" e "Big Bang Baby" não vai se decepcionar: a banda costuma tocar todos eles.

Mais sobre SWU: Veja o mapa do local e saiba tudo sobre o evento

Sonic Youth (Segunda, 14/11)
A performance do Sonic Youth no SWU tem tudo para ser histórica. É que o casal fundador da banda, Thurston Moore e Kim Gordon, anunciou sua separação e esta é sua última apresentação confirmada. Difícil prever qual será o setlist, já que esse ano o grupo só fez dois shows. No último deles, em Nova York em agosto, a banda tocou canções menos conhecidas de várias fases de sua carreira, sem quase nenhum hit.

Acesse o especial SWU

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG