Michael Franti mostra seu pop pé no chão no SWU

Cantor, que não usa sapatos há onze anos, é atração do primeiro dia do festival

Augusto Gomes, iG São Paulo |

Divulgação
Michael Franti
Neste sábado (12), os palcos principais do festival SWU são dominados pelo rap e pelo hip hop - Black Eyed Peas, Kanye West e Snoop Dogg estão aí para provar, assim como os brasileiros Marcelo D2 e Emicida. Há também dois representantes do reggae, Damian Marley e a banda SOJA.

A exceção é Michael Franti. Apesar de ter influências de rap e reggae, seu som não se enquadra em nenhuma dessas categorias. Seu disco mais recente, "The Sound of Sunshine", por exemplo, está mais próximo do pop ensolarado de um Jack Johnson do que da música de seus companheiros de SWU.

Mas Franti não se preocupa. "Eu adoro a diversidade dos festivais de música", afirma, em entrevista ao iG . O cantor também não liga se boa parte do público vai ao SWU para ver outros artistas. "Eu sei que a maioria das pessoas nunca ouviu falar da gente. Mesmo assim, estamos confiantes", garante.

Acesse o especial do SWU

"The Sound of Sunshine", lançado no ano passado, será a base do repertório do show. O disco surgiu no hospital. "Eu estava internado porque rompi o apêndice e os médicos só descobriram sete dias depois. Fiquei perto da morte", lembra o músico. "Quando voltei da cirurgia, fiquei radiante simplesmente por estar vivo. Quis fazer um disco sobre esse sentimento."

Canções ainda mais novas também devem estar presentes. "Tocamos inéditas quase todas as noites. No SWU não será diferente", diz. "Para mim, a melhor maneira de entender uma música é tocá-la ao vivo. Eu tento compor músicas que sejam fáceis de cantar mesmo quando as pessoas ouvem pela primeira vez."

Assim como faz há mais de uma década, Franti subirá ao palco descalço. Não é uma simples superstição: ele não usa sapatos há onze anos. "Começou quando viajei para países mais pobres, onde as crianças não tinham dinheiro para comprar calçados", explica. "Tentei jogar bola descalço com elas, mas a sola dos meus pés era muito fraca".

Quando voltou para casa, Franti decidiu passar três dias sem sapatos, como um teste. E assim se passaram onze anos. Nos casos em que é obrigatório estar calçado - por exemplo, restaurantes ou aviões -, ele usa chinelos. Em todos os outros momentos, ele é literalmente pé no chão. Na entrevista ao iG , dada no escritório de sua gravadora no Brasil, ele chegou descalço.

É com os pés descalços que ele pretende curtir o SWU depois de se apresentar. "Quero assistir a shows de artistas brasileiros. Adoro Kanye West e Snoop Dogg, mas já fui a vários shows deles. Prefiro aproveitar a vinda ao Brasil para ver gente que não posso ver em outros lugares", afirma.

O show de Franti está marcado para às 15h50 deste sábado (12). Veja aqui a programação completa do SWU .

    Leia tudo sobre: SWUMichael Franti

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG