Serra reclama de ataques de Dilma

Acompanhado por Marconi durante visita a Goiás, tucano avalia que ¿acusações só prejudicam processo eleitoral¿

Rodrigo Viana, iG Goiânia |

O presidenciável José Serra (PSDB) esteve em Goiânia hoje, onde participou de uma carreata e condenou os ataques de Dilma no debate de ontem, na Band.

Serra afirmou que os ataques à sua família prejudicam o processo eleitoral.

O tucano repetiu em Goiás promessas já feitas em visita no primeiro turno, como as reformas no aeroporto Santa Genoveva, a construção de um metrô em Goiânia e reforma e duplicação de rodovias.

Marconi Perillo acompanhou José Serra em todo o percurso.

Segundo a PM, o evento contou com cerca de 5 mil pessoas.

Neste segundo turno, as relações entre os tucanos começaram a se aproximar já que Marconi, que era favorito a vencer já no primeiro turno, ficou para o segundo.

Serra, que estava praticamente de fora, conseguiuvchegar ao segundo turno com Dilma.

No primeiro turno, Marconi não mencionou Serra no programa eleitoral e chegou a usar vídeos de Lula na TV.

Agora, Marconi diz que vai "casar as candidaturas" e fez agenda específica para o presidenciável em Goiânia.

Em setembro, Serra participou de apenas um evento fechado em Goiânia e partiu para uma carreata numa cidade de 30 mil habitantes.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG