Sarkozy conversa com Ouattara sobre situação na Costa Marfim

Presidente francês apóia fim de mandato para Gbagbo e, por telefone, troca dados com o reconhecido presidente costa-marfinense

EFE |

Paris - O presidente da França, Nicolas Sarkozy, manteve nesta sexta-feira uma conversa telefônica com Alassane Ouattara, reconhecido pela comunidade internacional como vencedor das eleições de novembro na Costa do Marfim.

A Presidência indicou à Agência Efe que essa conversa, da qual não foram dados mais detalhes, ocorreu antes da reunião organizada por Sarkozy com o primeiro-ministro, François Fillon, assim como com os titulares de Exteriores, Alain Juppé, e de Defesa, Gérard Longuet, para abordar a situação no país africano.

Após o encontro dos principais membros do Executivo, a França intimou o presidente em fim de mandato, Laurent Gbagbo, para que acabe com a violência na Costa do Marfim e a ceda o poder de forma "imediata" a Ouattara.

Nesse comunicado foi assinalado que "é urgente que se coloque fim definitivamente à crise surgida pela rejeição de Gbagbo de reconhecer sua derrota no segundo turno das eleições presidenciais", e pediu à população que se una em torno do presidente eleito.

* Com EFE

    Leia tudo sobre: COSTA DO MARFIMCRISE

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG