Ex-governador cita reportagem que denuncia petista por se apropriar de recursos do programa Segundo Tempo

Acuado pelo crescimento do candidato do PT nas pesquisas de intenção de voto, Roriz resolveu partir para o contra-ataque.

Durante o programa eleitoral desta segunda-feira, Joaquim Roriz exibiu reportagem da revista Época, de 30 de maio último, em que Agnelo é acusado de desviar R$ 256 mil do programa Segundo Tempo, do Ministério dos Esportes.

Os valores constam do inquérito aberto pela Operação Shaolin, deflagrada pela Polícia Civil do Distrito Federal.

A reportagem cita, ainda, uma testemunha – não identificada pela produção de Roriz – que teria presenciado quando Agnelo teria recebido uma mochila contendo os R$ 256 mil desviados do governo.

No total, a Operação da PCDF apurou que o desvio de recursos públicos teria chegado ao montante de R$ 4 milhões durante a gestão do petista no Ministério do Esporte.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.