Com Max de Castro, Diogo Nogueira e Davi Moraes, show liderado por Simoninha foi o primeiro do dia a atrasar e embolar com palco principal

Simoninha durante o Baile do Simonal
AgNews
Simoninha durante o Baile do Simonal
Simoninha, Max de Castro, Diogo Nogueira e Davi Moraes variaram do samba ao sambalanço no Baile do Simonal, o primeiro show com pequeno atraso – 15 minutos – no palco Sunset neste quarto dia de festival. O local demorou a encher, pois a apresentação começou quase que imediatamente após o fim do show de Janelle Monáe . Não tinha como igualar a pressão depois dos hits de Jackson Five e companhia entoados pela cantora.

Mesmo assim, quem foi ao Sunset dançou. Simoninha avisou: “Ela vem chegando...”, com uma levada meio forró meio sambalanço, para depois emendar outra faixa que pouca gente esperaria em ouvir em um Rock in Rio . “Meu limão, meu limoeiro”, teve coro, antes de Diogo Nogueira entrar no palco cantando a marchinha “Está chegando a hora” seguida de “Malandro é malandro e mané é mané”. O ponto alto foi o hit de Simonal, “Nem vem que não tem”.

No fim, Davi Moraes apareceu com solos rápidos para quebrar o ritmo. O primeiro o show a atrasar também foi o primeiro a embolar com uma apresentação do palco Mundo nesta quinta-feira. As últimas músicas do baile sucumbiram à Ke$ha , que já sacudia o tablado principal e provocou um êxodo acelerado no Sunset.

Acesse o especial Rock in Rio

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.