WikiLeaks: Israel queria Suleiman como sucessor de Mubarak

Documento diplomático americano de 2008 diz que atual vice-presidente egípcio era nome preferido do governo israelense

iG São Paulo |

O atual vice-presidente do Egito, Omar Suleiman, era o nome preferido do governo de Israel para ser o sucessor do líder egípcio Hosni Mubarak, de acordo com documentos diplomáticos dos Estados Unidos divulgados pelo site WikiLeaks.

Documento da Embaixada dos Estados Unidos em Tel Aviv, datada de 29 de agosto de 2008, afirma que Israel "está mais confortável com a perspectiva de Suleiman", na época chefe de inteligência do Egito. No cargo desde 1993, ele fez várias visitas oficiais a Israel e atuou como mediador do conflito com os palestinos.

A mensagem diplomática resume conversas que o ministro da Defesa israelense, Ehud Barak, manteve com líderes egípcios na cidade portuária de Alexandria.

O documento diz que um dos conselheiros de Barak, David Hacham, teria afirmado que a delegação israelense estava chocada com a aparência idosa de Mubarak e com sua voz cansada.

"Hacham notou que os israelenses acreditam que Suleiman deve servir ao menos como presidente interino caso Mubarak morra ou fique incapacitado", afirma a mensagem, que acrescenta que Hacham foi "só elogios" para Suleiman.

Os Estados Unidos apoiaram os esforços de transição lançados por Suleiman, nomeado por Mubarak para o cargo de vice-presidente em meio aos protestos pedindo pelo fim do regime do presidente de 82 anos, que há 30 está no poder. Foi a primeira vez que Mubarak nomeou um vice-presidente.

Com Reuters

    Leia tudo sobre: egitowikileaksomar suleimanisraelhosni mubarak

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG