Foram usados morteiros e metralhadoras para operação em QG, que foi bastante danificado por ataques da Otan nos últimos meses

selo

Rebeldes líbios invadiram nesta terça-feira o quartel-general do coronel Muamar Kadafi em Trípoli, após horas de batalhas.

Centenas de rebeldes fortemente armados cercaram o local. Foram usados morteiros, metralhadoras pesadas e armas antiaéreas. O QG foi bastante danificado pela campanha aérea da Otan nos dois últimos meses, mas ainda representava um símbolo do poder do regime.

Após horas de batalha, os rebeldes entraram no QG e, mesmo não encontrando Kadafi, iniciaram as celebrações que se espalharam pela cidade.

O complexo do líder líbio foi bombardeado por aviões americanos em 1986. Para lembrar o ataque, uma estátua em forma de mão foi erguida no local.

Assista ao vídeo:

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.