Sírios famintos teriam comido leão de zoológico, diz jornal britânico

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Ativistas compartilharam imagem de Damasco na web como prova de que a fome é problema grave no país

Reprudoção
Imagem de leão morto que foi compartilhada nas redes sociais nesta sexta (29)

Uma imagem de sírios cortando um leão para comer tem sido compartilhada na internet nesta sexta-feira (29). Ativistas teriam compartilhado a foto nas redes sociais como prova de que a fome é um problema tão grave no país que sírios precisam matar animais de zoológicos para sobrevivier. As informações são do jornal britânico The Independent.

Conheça a nova home do Último Segundo

Relatório da ONU: Crianças são 52% dos refugiados da Síria

Na foto, três homens estão ao lado do animal morto, sendo que um está segurando a cabeça. A veracidade do registro ainda não foi confirmada. Mas, segundo a publicação britânica, o animal vivia no zoológico de Al-Qarya Al-Shama, na região de Ghuta Oriental, em Damasco. A forma como o leão foi capturado e morto ainda é desconhecida.

Alguns relatos afirmam que o homem dissecava o animal para fabricar um casaco já que as temperaturas estão caindo na região. Já outros comentários na internet citam que leão em árabe é "assad" e, por isso, poderia ter sido usado como uma manifestação contra o atual presidente sírio, Bashar al-Assad

Leia tudo sobre: leãosíriamundo árabefomeassad

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas