Japão pede que embaixador sírio em Tóquio abandone o país

Chefe da diplomacia japonesa convocou diplomata sírio para pedir sua saída o mais rápido possível

EFE |

O Governo japonês pediu nesta quarta-feira ao embaixador sírio em Tóquio que abandone o país o mais rapidamente possível, confirmou à Agência Efe o Ministério das Relações Exteriores do Japão.

Leia também: Austrália não descarta uma intervenção militar na Síria

Segundo indicou um porta-voz ministerial, o chefe da diplomacia japonesa, Koichiro Gemba, convocou o embaixador sírio para pedir-lhe que deixe o país rapidamente, em resposta aos contínuos ataques produzidos contra civis por parte do regime de Bashar al-Assad.

O Japão agiu em linha com os países ocidentais, que ontem começaram a expulsar os embaixadores sírios de suas legações.

    Leia tudo sobre: síriamundo árabeonukofi annanassadprimavera árabejapãomassacre de houla

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG