Casa Branca divulga foto de Obama atirando

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Foto seria uma resposta a conservadores que questionaram veracidade de declarações de Obama sobre o uso de armas

AP
Casa branca divulga foto de Barack Obama praticando tiro ao prato em Camp David, em agosto de 2012

Dois dias antes da viagem de Barack Obama para promover o controle de armas, a Casa Branca divulgou uma foto do presidente atirando com um arma, em um treino de disparo contra um prato.

A imagem seria uma resposta a conservadores que questionaram a veracidade das afirmações de Obama à revista The New Republic. Em entrevista, o presidente americano admitiu que  já havia disparado uma arma, o que causou surpresa para muitas pessoas.

Leia também: Leis imperfeitas refletem dificuldade no controle de armas de fogo nos EUA

"Sim, de fato, em Camp David, fazemos tiro ao prato o tempo todo", disse Obama em entrevista, referindo-se à residência presidencial de descanso de Camp David, em Maryland, que ele visitou pela última vez em outubro, durante a campanha para a reeleição. Perguntado se a família toda participava da atividade, o presidente respondeu: "As meninas não, mas sim hóspedes que recebo no local."

A foto oficial divulgada pela Casa Branca neste sábado (2) foi tirada no dia 4 de agosto de 2012. A legenda diz que Obama está dispárando contra alvos de barro sobre a grama em Camp David. Na imagem, o presidente americano aparece segurando uma arma contra o ombro esquerdo, com o dedo indicador esquerdo no gatilho. Ele usa óculos escuros e protetores de ouvido.

Leia mais: Obama apoia proibição a armas de assalto, diz porta-voz da Casa Branca

Saiba também: Massacre em escola primária deixa 27 mortos nos EUA

Na entrevista da edição de 11 de fevereiro da revista The New Republic, Obama disse que os defensores do controle de armas devem ser melhores ouvintes nesse último debate sobre armas de fogo. Ele também declarou o seu profundo respeito pela tradição de caça nos Estados Unidos.

"Eu tenho um profundo respeito pelas tradições de caça que remontam gerações neste país", disse Obama. "Se você cresceu e seu pai te deu um rifle de caça quando você tinha 10 e passou a sair com ele e seus tios, isto se tornou parte das tradições familiares, é fácil ver por que algumas pessoas querem proteger isso."

“Então está se tentando fazer essa ponte que acho que será a maior tarefa ao longo dos próximos meses. E isso significa que os defensores do controle de armas têm de ouvir um pouco mais", disse Obama.

Suas medidas para o controle de armas incluem a proibição de armas de assalto e a venda de pentes de munição de alta capacidade, além da verificação de antecedentes para qualquer pessoa que queira comprar uma arma de fogo. A proposta tem encontrado resistência no Capitólio e também desafia a Associação Nacional de Rifle, o mais poderoso lobby de armas do país e financiador-chave de muitos políticos republicanos.

(Com informações da AP)

Leia tudo sobre: obamaarmascontrole de armascasa brancaestados unidosporte de armas

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas