PT-MS contrata batalhão de seguranças para Lula e Dilma

Cerca de 100 homens farão a segurança do presidente e da ex-ministra, em visita ao Estado

Celso Bejarano iG Campo Grande |

Cerca de 100 homens foram contratados pelo PT de Mato Grosso do Sul para fazer a segurança do  presidente Lula e da presidenciável Dilma Roussef durante o comício de amanhã, em Campo Grande. 

Além dos seguranças particulares, o comando da Polícia Militar também montará um esquema especial de proteção ao presidente.

Dez detectores de metal serão instalados na entrada do evento, localizado na região central da Capital.

Lula visita Dourados, de manhã, e Campo Grande, onde participa de caminhada à tarde. À noite, Lula e Dilma se encontram para o comício.

Em Dourados, o presidente inaugura benfeitorias construídas na Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), instituição que funciona desde 2006.

Em Campo Grande, Lula inaugura uma via que corta a cidade e participa de atos políticos, com uma caminhada na região central.

Para os candidatos petistas, a visita de Dilma e Lula é vista como uma oportunidade única de melhorar de posição nas pesquisas eleitorais.

O desempenho eleitoral do candidato Zeca do PT, no entanto, não é dos melhores:  ele tem 33% contra 52% de seu principal adversário, o governador André Puccinelli (PMDB), segundo pesquisa divulgada pelo Ibope há dez dias.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG