PSDB busca alternativa para concorrer ao governo de MT

Risco de impugnação do candidato tucano Wilson Santos obriga legenda a buscar outras opções às eleições de outubro

João Negrão iG Cuiabá |

O risco iminente de impugnação da candidatura do tucano Wilson Santos ao governo de Mato Grosso obrigou o PSDB a reavaliar a estratégia da campanha e buscar um candidato alternativo. É o caso da deputada federal Thelma de Oliveira.

Viúva do ex-governador Dante de Oliveira, Thelma disputa a reeleição para a Câmara e já adiantou, porém, que não pretende “ir para o sacrifício, se aventurando numa campanha cuja vitória não seria certa”.

Outra opção seria a composição com o senador o senador Jayme Campos (DEM), que havia desistido de concorrer ao governo local em favor de Santos. Até o momento, Campos deu sinais de que não tem interesse na candidatura, para o próximo pleito.

Wilson Santos está ameaçado de ter a candidatura impugnada por irregularidade na prestação de contas de sua campanha em 2008. O TRE de Mato Grosso negou sua quitação. O candidato recorreu ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Enquanto o palanque de José Serra (PSDB) no MT é incerto, o de Dilma está totalmente definido, pois a petista conta com o apoio da coligação “Mato Grosso em Primeiro Lugar”, composta por dez partidos, entre os quais PMDB, PR, PT e PP. Ambos dividem com Marina o palanque do candidato Mauro Mendes (PSB), da aliança "Mato Grosso Mais Pra Você".


    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG