Presidente do TSE propõe novas eleições em Dourados (MS)

Durante visita ao TRE-MS, Lewandowski considera essa a melhor `saída¿ para a cidade

iG Brasília |

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Ricardo Lewandowski propôs – hoje à tarde em Campo Grande – que a melhor alternativa seria a realização de novas eleições, em 3 de outubro próximo, para escolha do prefeito em Dourados (MS).

No momento, a cidade, a segunda maior do Estado, está sendo administrada pelo presidente do Fórum local, o juiz Eduardo Rocha.

Em visita ao presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS) desembargador Luiz Carlos Santini, Lewandowski considerou a intervenção “algo perigoso numa democracia”.

Sobre as eleições deste ano, o presidente do TSE comentou que foram introduzidas inovações, como a obrigatoriedade de apresentação de um documento de identificação com foto e do título de eleitor.

As novas exigências da Justiça Eleitoral, segundo ele, “garantem mais lisura às eleições, além de tornar mais dificil a possibilidade de fraudes, sobretudo nas cidades do interior”, avaliou o ministro.

O presidente do TSE afirmou, ainda, que o trabalho de identificação digital dos eleitores, embora demore um pouco, é um processo irreversível. 

“A identificação biométrica de todos os eleitores brasileiros é um processo caro e demorado, mas vai ser feito e garantirá total lisura às eleições brasileiras”, concluiu o ministro.

 Com informações do site do TRE-MS

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG