TCU recomenda paralisação de 32 obras

Foram realizadas 231 auditorias em 2010. Relatório será entregue hoje ao Congresso Nacional

iG São Paulo |

O Tribunal de Contas da União (TCU) recomendou hoje a paralisação de 32 obras com irregularidades graves. O tribunal realizou 231 auditorias no último ano em obras que somam o valor de R$ 35,57 bilhões. Segundo o tribunal, o bloqueio das obras pode gerar um benefício de cerca de R$ 2,5 bilhões aos cofres públicos.

Entre os pedidos de paralisação do TCU, constam cinco obras viárias do Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (DNIT), uma refinaria da Petrobras e uma obra de estrutura sanitária do Ministério das Cidades. Segundo o Tribunal, os problemas mais encontrados foram casos de sobrepreços e projetos deficientes.

O relatório, publicado hoje pelo tribunal, será levado ao Congresso Nacional, que decidirá se deve haver o bloqueio de recursos para essas obras na lei orçamentária para 2011. A atual Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) estabelece que deputados e senadores devem ser ouvidos antes da paralisação das obras irregulares que constam no relatório do TCU.

O presidente do TCU, ministro Ubiratan Aguiar entregará o relatório às 15h30 ao presidente da Câmara dos Deputados e vice-presidente eleito, Michel Temer (PMDB-SP), e ao presidente do Senado Federal, José Sarney (PMDB-AP).

* Com informações da Agência Câmara

    Leia tudo sobre: TCUobras paralizadas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG