Serra pede campanha pela adoção do voto distrital já em 2012

Adoção do sistema de votação já nas eleições do ano que vem faz parte de projeto apresentado pelo senador tucano Aloysio Nunes

AE |

selo

O ex-governador José Serra (PSDB) defendeu hoje o lançamento de uma grande campanha para a aprovação no Congresso do voto distrital puro para as eleições municipais de 2012. De autoria do senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP), o projeto prevê a instituição do voto distrital já nas eleições do ano que vem para as cidades com mais de 200 mil eleitores.

"O voto distrital para o município está ao nosso alcance. Podemos fazer uma campanha, uma cartilha para reforçar o projeto", disse Serra, durante seminário do PSDB sobre reforma política. Segundo ele, o voto distrital puro nas eleições de 2012 atingiria 38% do eleitorado brasileiro, em 60 municípios.

O senador Aécio Neves (PSDB-MG), que chegou depois do discurso de Serra, mostrou-se cético em relação à aprovação de uma reforma política profunda no Congresso. Em sua avaliação, os parlamentares acabarão aprovando apenas o fim das coligações proporcionais. Aécio propôs que o partido chegue a um consenso em relação a "duas ou três propostas" e passe a defendê-las no Congresso.

Ao deixar o seminário, Serra comentou o fato de alguns setores do PSDB e de partidos governistas terem visto o discurso de ontem feito por Aécio como um pré-lançamento de sua candidatura nas eleições presidenciais de 2014. "Eu acho um erro, uma falsa questão fazer tudo pela ótica de 2014. Por aí não se faz mais oposição, não se faz mais trabalho político", disse Serra.

    Leia tudo sobre: ECONOMICOPOLITICA

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG