Sem acordo com DEM em Goiás, Serra cancela viagem

Candidato a presidente pelo PSDB desiste de ir ao lançamento do tucano Marconi Perillo ao governo

Adriano Ceolin, iG Brasília |

O candidato a presidente da República pelo PSDB, José Serra, desistiu de ir a Goiânia nesta sexta-feira por falta de acordo entre os tucanos e o DEM no Estado. Ele deveria marcar presença no lançamento da candidatura do senador Marconi Perillo (PSDB) ao governo de Goiás. Serra cancelou a viagem por volta do meio dia de hoje (quinta).

Marconi ainda não conseguiu o apoio do deputado Ronaldo Caiado (DEM-GO) e do senador Demóstenes Torres (DEM-GO). Apesar de já terem se aliado ao senador no passado, os dois estudam a possibilidade de fechar aliança com Vanderlan Cardoso (PP), ex-prefeito do município de Senador Canedo, que fica a 18 km da capital.

Serra também não quis criar problemas com o PP, partido que passou a cortejar para formar a aliança nacional inclusive com a indicação do senador Francisco Dornelles (PP-RJ) como vice na chapa. O atual governador Alcides Rodrigues, que foi vice de Marconi, é o principal articulador da candidatura de Vanderlan.

Oficialmente, Serra cancelou a viagem por estar cansado. Em entrevista ao iG, Marconi deu outra versão. “Conversei com ele e decidimos que era melhor ele vir no outro momento para termos dois fatos. O lançamento da minha candidatura e um ato político apenas com ele”, disse.

Com o cancelamento da viagem, Serra deverá voltar a Goiânia apenas quando a aliança com DEM estiver pronta. O tucano evitado ir a Estados onde os dois partidos ainda não se acertaram. Na quarta-feira, Serra deixou de ser recebido pelo PP gaúcho porque o Estado não conseguiu indicar o vice na chapa da governadora Yeda Crusius (PSDB).

    Leia tudo sobre: goiasserramarconi

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG